Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

João Távora

Filipe Anacoreta Correia


Partido para que te quero?!

Parte IV

(Continuação deste, deste e deste texto)

Os Partidos tomam tantas vezes rumos incompreensíveis. É por isso que a indiferença de que padecem tem a sua raiz nalguma parte importante: na sua falta de correcção de procedimentos, de amplitude de visão ou da qualidade de vida que no seu seio é promovida. Esta indiferença, porém, afecta-nos a todos. Todos, isto é eleitores, contribuintes e população em geral. Somos nós na verdade quem sofre as consequências daquela indiferença, seja pela degradação das instituições democráticas – imprescindíveis para o fortalecimento da sociedade - seja pela ausência de identificação com os protagonistas políticos e com os seus programas de actuação. Ninguém se iluda: o alheamento diante do que está para além do jardim de cada um afecta-nos a todos.

Filipe Anacoreta Correia

Continua aqui:

4 comentários

Comentar post