Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

João Távora

Não tenhamos ilusões

Mesmo que se confirme uma desejável viragem política nas próximas eleições legislativas, este país manterá um profundo problema de ingovernabilidade estrutural: um descrédito generalizado no regime e nas suas instituições, um estado paternalista e asfixiante, e uma congénita indolência dos portugueses.


Mudar este último paradigma é o verdadeiro desafio nacional: é em cada individuo que terá que se operar uma mudança de atitude, de empenho, que viabilize Portugal.  Os portugueses têm que acreditar que está neles a solução. Alguém sabe como?

2 comentários

Comentar post