Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

João Távora

Sólidos rituais

Com a casa meia engripada, sinusites e gargantas inflamadas, a tarde correu ensimesmada e morna, com muito Canal Disney e jornais de fim de semana. Mesmo assim o pequeno mais pequeno, deploravelmente ranhoso, viu hoje surgir a um canto da sala a sua primeira árvore de Natal. Radiante, a árvore iluminará durante mais de um mês o Presépio, ritual que se repete indefinidamente por forma a lembrar-nos que estamos em festa, preparando-nos para o nascimento do nosso Salvador.

5 comentários

Comentar post