Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

João Távora

Bom de ouvido

Audio.png

Dizem as más-línguas que a memória nas experiências audiófilas é como a dos peixes, sendo por isso que regra geral se aceita como boa qualquer coluna de som no formato duma lata de Coca-cola, e as novas gerações pouco se importam com o suporte em que ouvem música, desde logo pelo telemóvel, tendo a indústria da "alta-fidelidade" chegado aos dias de hoje como objecto de interesse dum restrito número de extravagantes ou novos-ricos. Porque me identifico com os primeiros (e tenho pena de não ser dos segundos), foi com um sorriso rasgado que me deparei na Porta da Loja com estas memórias, de alguém que acredita que o prazer e o requinte também se alcança pela forma como ouvimos.