Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

João Távora

Dito de forma simples: é uma vergonha um país que deixa morrer 64 pessoas num incêndio florestal

Na sua entrevista à TVI, o cândido do António Costa - cujo governo tinha apontado "zero mortes" como principal objectivo do Dispositivo Especial de Combate a incêndios - além de afirmar-se convicto de que tudo decorreu regulamente na gestão da tragédia de Pedrógão Grande e que a sua ministra é apenas uma vítima do duro cargo que exerce, disse sem se rir, que não se pode exigir que se faça em pouIos dias aquilo que não se fez em décadas, como se ele não estivesse tido um papel político preponderante nessas décadas, desde logo ministro Estado e da Administração Interna do governo Sócrates. Nem que seja por isso exige-se-lhe um pouco de pudor.