Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

João Távora

Natalidade

Quando o “eu” se torna o mais importante na existência, os nossos corações minguam até ao tamanho do umbigo. Podem até cair e perderem-se lá dentro nas trevas.