Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

João Távora

Quadros

A bem dizer João Quadros é um humorista (?) falhado que se dá mal com a sua irrelevância. Para a maioria das pessoas é um desconhecido, mas eu relembro: foi aquele idiota que em tempos, a propósito da doença da mulher de Passos Coelho, gracejou que “pensava que só havia uma cabeça rapada em casa do Passos", um truque sujo para dar nas vistas. 
Vem isto a propósito de um conjunto de imbecilidades que ele publicou ontem a respeito do Duque de Bragança, com o único intuito de chocar pela vulgaridade, sem qualquer esforço de fazer sorrir o interlocutor – escusado é divulga-las.
O riso é uma expressão exclusivamente humana que exige inteligência e mais ainda o requer a irreverente arte de fazer rir, mesmo no uso grosseria. Já o chamar a atenção sobre si qualquer idiota consegue fazer, se não tiver escrúpulos. Percebo que João Quadros – de que já não ouvia falar há anos – queira palco. Mas tem de o saber merecer, e para já tem a irrelevância que merece.