Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

João Távora

30.Set.13

Autárquicas 2013 - Pediram uma leitura nacional?

João Távora
  - Em Lisboa a abstenção rondou os 55%. Em Cascais, o meu município, a abstenção "venceu" com 62%.. Um muito lamentável sinal dos tempos do qual urge tirarem-se ilações. - O pândego do António Costa se se abstiver de disputar as aspirações de Seguro tem o tapete vermelho para a se bambolear dez anos como presidente da república. Ai apagada e vil tristeza, Pátria minha. - De pouco serviu um mês de holofotes e generoso patrocínio mediático sobre João Semedo e Catarina (...)
10.Set.13

Façam-se à estrada, pois então!

João Távora
O facto de as televisões terem decidido se isentar do acompanhamento das centenas de candidatos e campanhas autárquicas a decorrer pelo país, se prejudica a projecção do acto eleitoral em si, confere ao mesmo uma dimensão definitivamente local e de proximidade. Façam-se à estrada, rua a rua, porta a porta, pois então. Claro que notícia é notícia e propaganda é propaganda. Nesse sentido espero bem que, se Costa levar com um tomate podre ou Meneses morder num cão, a CNE (...)
09.Jul.13

Lisboa terra de ninguém *

João Távora
  Depois de ter empastelado o trânsito com experimentalismos na mais emblemática artéria de Lisboa, só um autarca que não possui concorrência eleitoral se permite a dois meses das eleições cortar a circulação da rua do Ouro tornando o trafego na baixa pouco menos que infernal. Bem sei que muitos dos que aí se vêm bloqueados não são munícipes alfacinhas: desertificado, o (...)
23.Mai.09

Se um comunista incomoda muita gente...

João Távora
Qual hollywood do faroeste europeu, as ruas e praças de Lisboa converteram-se em meros adereços publicitários, acervo de curiosidades turísticas ou disformidades circenses.  O centro da capital portuguesa, semi-desertificada, é hoje em dia um mero cenário de eventos, comerciais ou políticos, onde sobrevivem uns quantos excêntricos indigenas. Nesta tarde de Sábado, com a complacência do Sr. Zé e do Sr. Costa, os comunistas desceram à cidade e montaram o palanque na rotunda e (...)
20.Mai.09

Ainda o fado de Santana Lopes

João Távora
Alguém devidamente identificado contactou-me por e-mail indignado com a minha supostamente desleal posição a respeito da coligação de direita para Lisboa. Confesso que não a tenho assumido de ânimo leve: independentemente da maior ou menor simpatia pelos circunstanciais protagonistas da minha ala politica, nunca deixei de ser pragmático e na hora H apoiá-los com mais ou menos convicção. Desta vez a situação é (...)
19.Mai.09

Comunicado da Real Associação de Lisboa

João Távora
A direcção da Real Associação de Lisboa deliberou por unanimidade manifestar o seu desagrado pela inclusão do P.P.M. na coligação que pretende fazer eleger o Dr. Pedro Santana Lopes presidente da autarquia lisboeta. Considera-se que os promotores dessa candidatura incorreram num grave equívoco ao atribuir a essa formação política representatividade no que diz respeito ao ideário monárquico.   Nest (...)