Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]

João Távora


Segunda-feira, 27.04.09

Fracturas expostas

A respeito deste post, Carlos Santos desafia-me a ler este seu texto e a afirmar a minha posição quanto ao fenómeno da tortura e da sua hipotética legitimação. Acontece que a minha sensibilidade e educação cristã remetem-me para uma posição radicalmente contra tais práticas, sejam elas exercidas por “fascistas” ou “comunistas” de “direita” ou de “esquerda”.

Como noutras questões éticas, como a do aborto ou eutanásia, reconheço que há "casos limite" que nos remetem para dilemas complexos.  Por exemplo há quem reclame a legitimação da tortura, quando esse recurso possa evitar uma catástrofe e salvar vidas. Ainda assim, tendo a questão como abstracta, mesmo num caso desses eu mantenho a minha opinião: determinados princípios éticos têm que ser sempre salvaguardados, sob o risco de se relativizarem valores, que inevitavelmente corrompem os alicerces duma civilização evoluída. O respeito pela dignidade de cada ser humano, projecto de Deus único e irrepetível, deve ser um valor inalienável.

Autoria e outros dados (tags, etc)

por João Távora às 12:57

Quarta-feira, 18.03.09

A respeito da eutanásia, a grande causa do reverendo Louçã...

escreve André Azevedo Alves no Insurgente: (...) Poucos acreditarão que a iniciativa (do Bloco de Esquerda) visa, efectivamente, combater a “obstinação terapêutica” mas há um aspecto da mensagem de Louçã que é inteiramente credível. Historicamente, o socialismo nunca foi particularmente eficaz a proporcionar o acesso dos cidadãos à larga maioria dos bens e serviços, mas revelou-se sempre terrivelmente eficaz a garantir o “acesso livre e informado à morte” (...). Leia tudo aqui.

Autoria e outros dados (tags, etc)

por João Távora às 16:36

Quarta-feira, 11.03.09

Ainda o caso da grávida de gémeos em Alagoinha

Porque a propaganda tende a simplificar aquilo que nunca o será convém ler isto... até ao fim.


 


 

Autoria e outros dados (tags, etc)

por João Távora às 15:30




Sobre o autor

João Lancastre e Távora nasceu em Lisboa, que adora. Exilado no Estoril, alienado com política e com os media, é sportinguista de sofrer, monárquico, católico e conservador. No resto é um vencedor: casado, pai de filhos e enteados, é empresário na área da Comunicação e do Marketing. Participando em diversos projectos de intervenção cívica, é dirigente associativo e colabora em vários blogues e projectos comunicação política e cultural.


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Pesquisar no Blog  

Instagram

Instagram

calendário

Setembro 2018

D S T Q Q S S
1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
30